25 de abr de 2012

ESTUDANDO COM OS MESTRES: MAHA CHOHAN

" OS ELÉCTRONS "
Discursos de Maha Chohan

"Os eléctrons mantém-se dentro de um ininterrupto movimento e oscilam ou vibram inalteradamente em vosso corpo. Nada mais são do que um mar ondulante de luz, em constante redemoinho, girando e movendo-se dentro de sua revolução especial, semelhante à maré do oceano: "daqui até ali" e não mais além. Portanto esses eléctrons circundantes formam os membros do corpo! A atividade vibratória de todo corpo é determinada pelo tom fundamental da emanação de vida.
A frequência vibratória do homem encontra-se abaixo de sua harmonia natural, e os eléctrons de todos os 4 corpos inferiores, na maioria das pessoas, movimenta-se vagarosamente, bem mais lentos do que sua frequência original. Quanto mais vagarosos forem seus movimentos, tanto mais densos a mente e o corpo. Quanto mais acelerados os eléctrons, mais luminoso é o homem. Nos Mestres Ascensionados, os eléctrons vibram tão aceleradamente, que os tornam invisíveis ao olho humano, como a hélice de um avião em movimento."

"Quando pela manhã, começais vossa contemplação, deveis ter a sensação de nadar ou vagar no mar de luz; procurai sentir a luz tal qual como a água do oceano, dentro e em volta de vós, assim não sentireis o menor esforço ao fazerdes vossos apelos diários."

"É prudente que o discípulo atento ou esclarecido gere apenas conscientemente, formas-pensamentos de um Mestre, de Anjos ou a expressão da beleza, saúde, perfeição, força, bem-estar e prosperidade. Esses cálices (moldes) irão atrair de imediato, do coração dos seres perfeitos, a substância do Universo e, em parte,enriquecer o ambiente no qual o discípulo vive."

"Pessoas adormecidas espiritualmente, são da opinião que a vida lhes pertence por direito. Com despreucupado atrevimento ou cinismo, qualificam o mundo que as cerca, por meio de pensamentos imorais, sentimentos destrutivos, palavras ofensivas, atitudes violentas, oque naturalmente retorna ao seu eu-personal, em forma de dificuldade para controlar seus desejos desenfreados de cobiça."

"Não podeis usar um filme tirado em vossa viagem ao Havaí e no momento de projetá-lo esperar que apareçam imagens de outra viagem. Esta fita aceitou os acontecimentos que, naquela determinada época, vossa câmera cinematográfica estava focalizando. O mesmo acontece com a vossa corrente-contínua da essência vital. Imprimis, exatamente, aquilo que, em determinado momento, pensais e sentis, e isto é apresentado ao vosso corpo interno."

Um comentário:

  1. Porra!!! Que texto perfeito!!! Cara publica de novo pra o povo poder ler e ter acesso a isso. À medida que eu lia, comecei a me imaginar cheia de luzes.
    Cara vou ler todos estes textos, porque através deles a gente tem uma visão diferente - ciência e espiritualidade juntas. Ciência Noética.
    Mamãe voltou de viagem e agora tenho tempo pra todo dia vim aqui e ler seus textos.
    Um xero enorme pra ti!!

    ResponderExcluir