11 de fev de 2015

LABYRINTHINE DRAWINGS OF INTERCONNECTED ROOMS BY MATHEW BORRETT

(original post: www.thisiscolossal.com)








For this spectacularly detailed series of architecturally influenced drawings, Toronto-based artist Mathew Borrett labored with 005 Pigma Micron pens to create networks of compartmentalized dwellings that appear to be carved into the face of a cliff or dug into the ground with isometric perfection. Titled Room Series, the drawings were created in 2003, and Borrett continues to explore imaginary landscapes that appear gently influenced by science fiction and fantasy. You can see more of his work in his website and he has prints available on Fine Art America. Borrett also has a self-published book spanning the last decade. (via Artist a Day)



9 comentários:

  1. Puxa, não conhecia esses trabalhos.Lindos.Vou ver mais por lá! abraços,chica

    ResponderExcluir
  2. O nosso verdadeiro eu, sempre se esconde atrás de tantos compartimentos secretos...
    Acho que só alguma forma de amor, consegue descobrir o caminho, nesse labirinto de compartimentos secretos, feito de vivências, e emoções... e descobrir o nosso verdadeiro eu...
    Pelo menos, é assim que interpreto esses desenhos... pois em qualquer um desses labirintos, haverá sempre um caminho... escondido... mas existe...
    Interessantes trabalhos, Ricardo! Não conhecia o autor...
    Excelente post, como sempre, por aqui...
    Continuação de boa semana. Abraço
    Ana

    ResponderExcluir
  3. Um trabalho criativo muito interessante, já que concebido a partir de influências arquitectónicas, com uma execução muito perfeita, apresentando uma série de salas labirinticamente projectadas com um toque de fantasia.
    Gostei de visitar a página do artista, com outras apresentações também muito atraentes, sobretudo a última, de um azul exuberante e com luminosidade.
    Obrigada pela partilha, pois este é um tipo de arte praticamente desconhecida para mim.
    xx

    ResponderExcluir
  4. Obg pela partilha, Ricardo, pois pude conhecer outros trabalhos do artista, visitando a página. Além de criativos, criam dimensões, digamos futuristas. Gostei imenso!
    Este trabalho que partilhaste, faz-nos pensar na vida e nos seus caminhos intrincados, por vezes parecendo sem saída. Contudo, com perseverança, sempre se vislumbra uma luz que nos guia...
    Bjo, Ricardo :)

    ResponderExcluir
  5. OLÁ RICARDO
    Que trabalho lindo eu não conhecia.Parabéns.Vim te desejar um ótimo feriado!!! Descansando ou divertindo-se, que seu feriado seja abençoado!

    Ana

    ResponderExcluir
  6. Essas imagens sugerem, cada vez mais, a moradia do futuro, a perda da liberdade... Nossa alma confinada, nossa mente aprisionada, nosso corpo físico amedrontado...
    Beijos, Ricardo!

    ResponderExcluir
  7. Excelentes! Intrincados...como os labirintos da alma! ;) Obrigada por partilhar!

    ResponderExcluir
  8. Sencillamente, IMPRESIONANTE, me gusta un montón, te sigo.

    Saludos.-

    ResponderExcluir