12 de dez. de 2013

A ALEGRIA DO SER


Paz e alegria a todos. Feliz natal e um excelente fim de ano.
 Namastê!


repostagem direta do blog da Mary M.

Para demonstrar como você se deixou dominar pelo tempo psicológico, experimente usar o critério de se perguntar se existe alegria, naturalidade e leveza no que você está fazendo. Se não existir, é porque o tempo está encobrindo o momento presente e a vida está sendo percebida como um encargo ou uma luta.
A ausência de alegria, naturalidade ou leveza no que estamos fazendo não significa, necessariamente, que precisemos mudar o que estamos fazendo. Talvez baste mudarmos o como. "Como" é sempre mais importante do que "o que". Verifique se você pode dar muito mais atenção ao fazer do que ao resultado desejado através do fazer. Dê a sua inteira atenção para o que quer que o momento apresente. Isso implica que você aceitou totalmente o que é, porque não se pode dar atenção completa a alguma coisa e, ao mesmo tempo, resistir a ela.
Ao respeitarmos o momento presente, toda a luta e a infelicidade se dissolvem e a vida começa a fluir com alegria e naturalidade. Ao agirmos com a consciência do momento presente, tudo o que fizermos virá com um sentido de qualidade, cuidado e amor, mesmo a mais simples ação.
Portanto não se preocupe com o resultado da sua ação, basta dar atenção à ação em si. O resultado surgirá espontaneamente. Essa é uma valiosa prática espiritual. No Bhagavad Gita, um dos mais antigos e mais belos ensinamentos espirituais que existem, o desapego ao resultado da ação é chamado Karma Yoga. É descrito como o caminho da "ação santificada".
Ao fim dessa luta compulsiva contra o Agora, a alegria do Ser passa a fluir em tudo o que fazemos. No momento em que nossa atenção se volta para o Agora, percebemos uma presença, uma serenidade, uma paz. Não dependemos mais do futuro para obtermos plenitude e satisfação, não o olhamos mais com salvação. Consequentemente, não estamos mais presos aos resultados. Nem o fracasso nem o sucesso têm o poder de alterar o estado interior do Ser.
Na ausência do tempo psicológico, o nosso sentido do eu interior provém do Ser, não do nosso passado pessoal. Assim, desaparece a necessidade psicológica de nos tornarmos uma pessoa diferente de quem já somos.
No mundo, levando em conta a situação de vida, podemos nos tornar ricos, conhecidos, bem-sucedidos, livres disso ou daquilo, mas, na dimensão mais profunda do Ser, estamos completos e inteiros agora.

Eckhart Tolle

10 de dez. de 2013

ARTIGO: MATÉRIA NÃO EXISTE, TUDO É ENERGIA

O título deste artigo diz uma obviedade para quem entendeu minimamente a teoria da relatividade de Einstein pela qual se afirma ser matéria e energia equivalentes.
Matéria é energia altamente condensada que pode ser liberada como o mostrou, lamentavelmente, a bomba atômica.
O caminho da ciência percorreu, mais ou menos, o seguinte percurso: da matéria chegou ao átomo, do átomo, às partículas subatômicas, das partículas subatômicas, aos "pacotes de onda" energética, dos pacotes de onda, às supercordas vibratórias, em 11 dimensões ou mais, representadas como música e cor.
Assim um elétron vibra mais ou menos quinhentos trilhões de vezes por segundo. Vibração produz som e cor. O universo seria, pois, uma sinfonia de sons e cores. Das supercordas chegou-se, por fim, à energia de fundo, ao vácuo quântico.
Neste contexto, sempre lembro de uma frase dita por W.Heisenberg, um dos pais da mecânica quântica: "O universo não é feito por coisas mas por redes de energia vibracional, emergindo de algo ainda mais profundo e sutil". 
Que é esse "algo mais profundo e sutil" de onde tudo emerge?
Os físicos quânticos e astrofísicos chamaram de "energia de fundo" ou "vácuo quântico", expressão inadequada porque diz o contrário do que a palavra "vazio" significa.
O vácuo representa a plenitude de todas as possíveis energias e suas eventuais densificações nos seres. Dai se preferir hoje a expressão pregnant void "o vácuo prenhe" ou a "fonte originária de todo o ser".
Não é algo que possa ser representado nas categorias convencionais de espaço-tempo, pois é algo anterior a tudo o que existe, anterior ao espaço-tempo e às quatro energias fundamentais, a gravitacional, a eletromagnética, a nuclear fraca e forte.
Astrofísicos imaginam-no como uma espécie de vasto oceano, sem margens, ilimitado, inefável, indescritível e misterioso no qual, como num útero infinito, estão hospedadas todas as possibilidades e virtualidades de ser.
De lá emergiu, sem que possamos saber porquê e como, aquele pontozinho extremamente prenhe de energia, inimaginavelmente quente que depois explodiu (big bang) dando origem ao nosso universo.
Nada impede que daquela energia de fundo tenham surgido outros pontos, gestando também outras singulariedades e outros universos paralelos ou em outra dimensão.
Com o surgimento do universo, irrompeu simultaneamente o espaço-tempo.
O tempo é o movimento da flutuação das energias e da expansão da matéria. O espaço não é o vazio estático dentro do qual tudo acontece mas aquele processo continuamente aberto que permite as redes de energia e os seres se manifestarem.
A estabilidade da matéria pressupõe a presença de uma poderosíssima energia subjacente que as mantém neste estado.
Na verdade, nós percebemos a matéria como algo sólido porque as vibrações da energia são tão rápidas que não alcançamos percebê-las com os sentidos corporais. Mas para isso nos ajuda a física quântica, exatamente porque se ocupa das partículas e das redes de energia, que nos rasgam esta visão diferente da realidade.
A energia é e está em tudo. Sem energia nada poderia subsistir. Como seres conscientes e espirituais, somos uma realização complexíssima, sutil e extremamente interativa de energia.
Que é essa energia de fundo que se manifesta sob tantas formas?
Esta energia talvez constitua a melhor metáfora daquilo que significa Deus, cujos nomes variam, mas que sinalizam sempre a mesma Energia subjacente.
A singularidade do ser humano é poder entrar em contato consciente com esta Energia. Ele pode invocá-la, acolhê-la e percebê-la na forma de vida, de irradiação e de entusiasmo. 

Por: Leonardo Boff



6 de dez. de 2013

MYSTIC FAIR

A feira mística foi no final de semana passado, não houve tempo para fotos e deixo aqui o relato que fiz aos familiares...


" Era necessário esta experiência e eu não podia mais adiar!
No final da feira no sábado tinha vendido poucos trabalhos e feito alguns contatos...me senti um peixe fora d´água e na hora de dormir me enchi de auto-piedade e chorei muito.
O domingo trouxe novidades: vendi mais, as pessoas que eu queria conhecer apareceram e no final da feira senti que a missão estava cumprida:
entender o mercado de feiras e eventos, realizar que as pessoas se maravilham com os trabalhos e que eles tem potencial de consumo. Muita gente do meio me confortou falando que é assim mesmo mas que eu devia acreditar pois trata-se de um chamado de meu coração.
Quase todos sofreram prejuízos financeiros, só os estandes de atividades terapêuticas, tarot e estas coisas podem ter se saído melhor. Foi muita gente mesmo porém as vendas se diluíram entre tantos...
Tenho que absorver melhor tudo isso e seguir em frente pois agora possuo algumas ferramentas para um próximo passo. Fiquei feliz com minha ação!
Obrigado a todos pela participação e apoio...linda família! "

18 de nov. de 2013

CADA SER HUMANO UM UNIVERSO


Todos os mestres uma hora recomendam: visualize e medite sobre a sua luz interior, sinta seu sol interno...a sua esfera de luz cardíaca e flamejante, seu verdadeiro EU.
Como isto pode ser explicado para quem possui um cunho mais científico e muitas vezes zomba dos discursos espiritualistas?
Eis minha teoria e tese fundamental deste blog (resumida e ainda em evolução) :
Pense que esta esfera de pura energia é um centro quântico localizado no coração, uma fenda dimensional descarregando matéria de um plano de percepção que não conhecemos para o nosso.
Tal matéria seriam complexos aglomerados moleculares de fótons e gravitons que ao entrarem em contato com o mundo atômico de nosso corpo físico, se desconstroem em unidades-forças e sustentam a união de ossos, músculos, orgãos, etc...
Esta luz interior seria então algo parecido como um sol: em uma atividade incessante de transmutação de energias moleculares desconhecidas em forças que compõem o Modelo Padrão.
Reflita também que se existem Buracos Negros sugando matéria e tudo oque existe no mundo tridimensional, pode existir também uma espécie de buraco invertido, o Buraco Branco que deve ser entendido como um "Wormhole" ligando as dimensões e fornecendo elementos para mundos menos acelerados como o nosso.
Se isto procede então somos todos universos completos com um centro gravitacional, solar e energético.
E nosso verdadeiro EU não é uma individualidade...é um eterno fluir, ou apenas É. 


3 de nov. de 2013

THANKS



Amigos blogueiros,


mais um aniversário do blog, agora são 2 anos. Antes dele não possuía maturidade artística não.
Sempre sonhei em vender imagens mas fui hábil em me desviar deste caminho. Tenho boa experiência como comerciante de molduras e quadros... sei vender o trabalho dos outros (rs) mas o meu sei lá, sempre houve a intervenção da mente toda poderosa que me inflava de bobagens limitantes.
Agora com meus quase 50 realizo que não dá mais pra adiar, simplesmente porque sem o coração nada funciona!
Estarei no fim de novembro participando de uma das maiores feiras esotéricas do planeta, a Mystic Fair e apresentarei meus trabalhos por lá... em nova postagem enviarei mais notícias e convites para quem quiser...
Este post é para todos vocês e que esta imagem vos abençoe com paz interior e muita alegria... diz Osho que para ludibriar a mente soberana, rainha dos medos e culpas, precisamos sorrir... obrigado mesmo pela amizade virtual !



30 de ago. de 2013

CONVERSANDO COM MINHA IRMÃ 03

Mari: Brother li o "Ensaio Internacional" e você fala de um tal "Governo Sinistro Secreto" ! Parece coisa de lunático e de teórico da conspiração. Pode falar um pouco a respeito?

Na verdade é Sinistro Governo Secreto (SGS). Vou tentar te fornecer minha rápida visão sobre o assunto embora muitos possam discordar nos detalhes.


Há duas maneiras de entender o SGS: uma cética e objetiva e outra mais profunda porém
espiritualista. A visão cética está acontecendo bem na nossa frente e a todo instante: os principais chefes de estado mundiais são marionetes e fantoches nas mãos de milhares de lobistas das grandes indústrias do petróleo, de armamentos, de wall street e da indústria farmacêutica e alimentícia... entre outras!
Mas este enxame de lobistas também são como formigas obedecendo aos comandos políticos e econômicos dos donos destas grandes corporações. E num exame mais detalhado, descobrimos que tais donos não passam de umas 30 famílias no mundo... americanas, judaicas e algumas da realeza européia. Illuminatis, Grupo Bilderberg por exemplo, são denominações e variantes sobre o mesmo tema, podem ser parte ou a própria totalidade do SGS. Nosso planeta gira em torno de suas decisões e quer saber: este conflito em andamento na Síria está bem planejado pelo SGS. A industria bélica e energética americana precisa faturar muito para sair do buraco! Se não houver uma guerra rapidinho iremos assistir a total falência dos estados americanos e por consequência a nossa também. 
Esta visão também é compartilhada pelos espiritualistas afinal é fato!!! Óbvio que ninguém que leia revista Veja ou assista Jornal Nacional, vai concluir assim. Torna-se necessário buscar o jornalismo independente e internacional para estar a par da gravidade do assunto...
Mas os espiritualistas fornecem um adicional que aprofunda loucamente a concepção do SGS: estes trabalham há pelo menos 50 anos em uma tensa parceria com seres da intraterra, chamados de Draconianos, e com seres de outro sistema solar, os Greys que por aqui ficaram conhecidos em virtude do caso Roswell. Parceria objetiva: SGS recebe novas tecnologias e em troca fornece humanos e animais para experimentos genéticos...simples!
Antes de você e seu marido cairem na gargalhada rs  e dizer que o brother pirou, procure informações sobre o impasse que está em andamento entre Rússia, China, Estados Unidos e Vaticano sobre este assunto: está muito próximo o dia que alguma destas nações vai ter que contar a verdade sobre alienígenas! Contrariando os interesses do SGS...
Não importa a visão que se tenha do SGS, ele existe e faz acontecer! Tem planos de unificação e de comando global (a longo prazo) e de extermínio de uma grande massa populacional desnecessária, coisa que pensando mais profundamente sempre existiu e aconteceu nesta louca humanidade.




17 de ago. de 2013

ENSAIO INTERNACIONAL



Israel é um país pequeno em território e a nação judaica deseja crescer, porém são poucas as possibilidades que não impliquem em julgamento popular exagerado e maiores problemas técnicos, afinal o país está cercado por muçulmanos por todos os lados.
Uma solução é montar base na Síria. Para isto os Estados Unidos, seu aliado histórico, entra com tudo e enxerga a chance de também ter  mais bases militares, ficar mais próximo do Golfo Pérsico e possuir mais um centro operacional de todo o comércio de papoulas que são plantadas no Afeganistão e produzem a heroína e o ópio, que sustentam o mercado mundial de drogas e alimentam os sonhos de controle do Governo Sinistro Secreto.
Também vale lembrar que todos os países que estão na periferia do Mar Cáspio possuem riquezas naturais que ainda não foram exploradas.
O contra-ataque sírio anda em boa formação afinal nestas horas a comunidade islâmica se une tendo em vista as possíveis implicações com Irã e Iraque. E assim e desde meados de 2001,quando do incidente World Trade Center, está em andamento uma preparação para um evento “ guerra mundial ”. Se China e Rússia também estiverem de fato levando a sério o assunto então a coisa vai ferver.
Devemos estar atentos com o andamento da situação no oriente médio, não podemos ser iludidos nesta armação!

3 de jul. de 2013

DISCURSOS DOS MESTRES ASCENSIONADOS / CAPÍTULO 1

SOBRE O AMOR

O grande mito do amor consiste em estares convencido de que podes amar alguém, alguma coisa ou,pelo menos, a ti mesmo. Ninguém pode amar outro; tu não podes amar-te a ti mesmo nem amar outras pessoas. Sabes porquê? - Porque o amor não é um "fazer" mas um "permitir ser" !

A energia a partir da qual o Universo está construído possui, em si mesma, uma qualidade: o deleite de ser.Trata-se da aceitação do direito de todas as coisas serem o que são.Todos os seres provêm da Fonte e, por isso, têm o direito divino de expressar sua divindade, tal como todos os seres têm o direito de desfrutar as expressões dos demais. Assim é porque, na verdade, todos são um só...ainda que engenhosamente disfarçados para darem a sensação de estarem separados. Aceitares a satisfação de te exprimires, assim como o deleite de ver os outros a fazer o mesmo, é uma experiência maravilhosa, a qual constitui aquilo a que chamo amor.

No entanto, não se pode "fazer" satisfação ou deleite; só se pode permitir que assim seja e deixar que isso inunde o ser completamente. E, de fato, esta emoção não está condicionada por aquilo que o outro possa "fazer"; baseia-se em conhecer e experimentar a divindade que há nele.
Se alguém que tu conheces está,por exemplo, irritado e agressivo, ainda assim, ele está a expressar a sua divindade...ainda que tal forma de expressão possa não te cativar muito!
O amor começa com a aceitação do direito de ser, pessoal e alheio, uma aceitação que vai crescendo até se converter num apreço por ti mesmo e pelos outros.
Agora, a pessoa que não se ama a si mesma ou que não pode fazê-lo porque não pode ver ou não dá permissão à sua própria divindade, irá desesperadamente em busca de alguém que a faça sentir-se segura. E, quando vê esta segurança ameaçada, volta a cair na chantagem e no controle emocional através da retenção do afeto...e em nome do amor?!
Lembra-te:o amor não precisa de ser dirigido para ninguém em particular; o amor não é mais do que a Fonte amando-se a si mesma. Desde que te permitas sentir o fluxo desta energia, perceberás que ela cresce nos teus campos e, desde aí, projeta-se na direção dos outros. Um dia, quando a represa se romper, verás os teus campos físico, emocional e mental inundados de uma aceitação incondicional em relação a tudo e todos.

http://www.luzdegaia.org/downloads/livros/diversos/Um_Manual_para_a_Ascensao_Serapis.pdf

30 de jun. de 2013

CORPO DE LUZ por SERAPHIS BEY

"A maior parte da energia que entra na composição do teu corpo físico provém da assimilação dos alimentos que ingeres;este processo,porém,está a ser gradualmente abandonado porque a energia está a deixar de ser assimilada para passar a ser,progressivamente,projetada.
Vejamos como isto funciona: em vez da energia das proteínas, dos amidos e dos outros componentes da comida ingerida, os níveis do ESPÍRITO do teu ser já começaram a projetar unidades de energia conscientes para dentro do teu campo físico, cuja missão é fabricar e reparar as estruturas celulares, ou seja, fazer o que, até aqui, era função da energia assimilada. Na verdade, o EU-ESPÍRITO de cada um de vós está a reformatar sistematicamente as células do corpo físico para que passem a ser alimentadas pela energia projetada, em vez da energia assimilada.
Resta acrescentar que esta energia projetada provém da que está por detrás da radiação conhecida como luz solar.  Portanto tu já começaste a formar aquilo que é conhecido como Corpo de Luz!
Cada vez mais o corpo físico se alimentará de energia projetada, em vez dos nutrientes físicos e contidos no invólucro celular. Uma das consequências desta alteração é que a frequência das células, e do corpo em geral, está a elevar-se.
Com o tempo, o corpo vai começar a brilhar suavemente; ai, estarás num Corpo de Luz!"
SERAPHIS BEY


este breve texto tenta mostrar como poderá ser possível estarmos vivendo uma transição para dimensões superiores e ainda carregando um corpo de terceira dimensão; entendo que é uma maneira científica de visualizar a iluminação e ascensão do corpo físico...talvez o único modo plausível



29 de mai. de 2013

O NASCIMENTO DE GAIA

com texto de:
lisa teixeira


O NASCIMENTO DE GAIA

Águas turvas e lamacentas
Escorrem pelas encostas dos montes
Mãe Terra está em trabalho de parto
O sangue verte sobre teu solo farto

A vida escoa diante dos olhos
Perde-se em meio a seu próprio entulho
Para o Homem é chegada a hora!
De insistir nesse imenso barulho

Tua cegueira não pode ir além do véu
Gaia sente dor!
Precisa deixar ir o que for
Dar luz à nova Terra por amor

A transição acabou
Somos os parteiros de uma nova aurora
Somos chamados ao auxílio agora
Arregaçar as mangas pela vida sem demora

Momento de dar as mãos
De repartir o pão
De olhar nos olhos do irmão
De enfim,fazer a grande fusão

Que seja realizado o plano divino sobre a Terra
Que uma nova consciência desperte e impere
Que o coração humano possa transcender
Para no amor dessa imensa luz florescer


4 de mai. de 2013

CLARITY



"Salto quântico é quando o elétron salta para fora da órbita do átomo e nunca mais volta. E quando ele faz esse movimento produz novos fótons de luz que ativam outros elétrons de outros átomos e outros elétrons começam a saltar devido o excesso de energia..."

Li este texto no excelente blog http://aleidaatracao.blogspot.com.br e faço alguns comentários. De fato estamos entrando em uma região da Via Láctea emissora de muito mais Raios Gama, que em última instância são somente poderosas interações nucleares que necessitam de muito mais Fótons para se realizarem...no fim das contas esta região está excessivamente carregada de Fótons. Este é o famoso“Cinturão de Fótons”, termo usado por toda a comunidade espiritualista para falar do salto quântico.
Recentemente o Telescópio Espacial Fermi verificou uma situação reveladora sobre o tema: algumas tempestades elétricas atípicas no planeta podem ser puro decaimento da anti-matéria dos elétrons(os pósitrons) e não um fenômeno natural eletrônico como enxergamos no dia a dia. Entendo que isto significa que Fótons em excesso estão a fazer surgir de maneira conclusiva uma nova cadeia de eventos dentro e fora do átomo, o que permite teorizar até que um elétron possa saltar para fora do átomo e nunca mais voltar, fazendo assim surgir novos elementos atômicos e uma revolucionária tabela periódica que nos desconstitua por completo. Pode-se dizer também que exista um momento aonde o atual modelo atômico irá se dissolver em um mais acelerado aonde não seja necessário elétrons orbitando núcleos...quem sabe tudo isto não nos leve de volta a sabedoria hindu que nos ensina sobre átomos e moléculas somente de Fótons, o Prana.
Enfim o assunto "salto quântico" é fascinante tanto para cientistas como para espiritualistas e deixo aqui meu desejo que tal salto nos traga uma profunda elevação e maior conexão com os mistérios do infinito, do divino e de nossa essência...
Namastê


15 de abr. de 2013

TRECHOS DO LIVRO:"UM CURSO EM MILAGRES"


I

Só aqueles que têm um senso de abundância real e duradouro podem ser verdadeiramente caridosos. Isso é óbvio quando consideras o que está envolvido. Para o ego, dar qualquer coisa implica em que terás que ficar sem ela.Quando associas dar com sacrifício, só dás porque acreditas que estás de algum modo conseguindo algo melhor e, portanto, podes ficar sem o que estás dando.“Dar para receber” é uma lei do ego da qual não se pode escapar, e ele sempre avalia a si mesmo em relação aos outros egos.Está portanto continuamente preocupado com a crença na escassez que lhe deu origem. Toda a sua percepção dos outros egos como reais é apenas uma tentativa de se convencer de que ele é real. A “autoestima” em termos egóticos não significa nada além de que o ego iludiu a si mesmo a ponto de aceitar a própria realidade e é, portanto, temporariamente menos predatório.

II

É difícil compreender o que significa realmente: “O Reino do Céu está dentro de ti.” Isso não é compreensível para o ego, que interpreta essa afirmação como se alguma coisa de fora estivesse dentro e isso não significa coisa alguma. A palavra “dentro” é desnecessária. O Reino do Céu és tu. O quê, além de ti, foi criado pelo Criador e o quê, além de ti, é o Seu Reino? Essa é toda a mensagem da Expiação, uma mensagem que na sua totalidade transcende a soma de suas partes.Tu também tens um Reino que o teu espírito criou. Ele não cessou de criar por causa das ilusões do ego. As tuas criações não são mais órfãs de pai do que tu és. Teu ego e teu espírito nunca serão co-criadores, mas o teu espírito e o teu Criador sempre o serão. Tem confiança em que as tuas criações estão em segurança tanto quanto tu estás.

III

A memória de Deus vem à mente quieta. Ela não pode vir aonde há conflito,pois uma mente em guerra contra si mesma não se lembra da gentileza eterna. Os meios da guerra não são os meio da paz e o que as pessoas voltadas para a guerra querem lembrar não é amor. A guerra é impossível a não ser que a crença na vitória seja valorizada. O conflito dentro de ti necessariamente implica no fato de que acreditas que o ego tem o poder de ser vitorioso.





2 de abr. de 2013

LUZ NA ESCURIDÃO


Que me perdoem os mais eruditos e principalmente os físicos! Mas meus delírios devem possuir alguma verdade. Concordo que são intuitivos mas já que poucos se arriscam eu cumpro o papel de construir um pensamento multidimensional e um pouco distante dos atuais caminhos da ciência. E se você caro amigo blogueiro e simpatizante deste espaço sair mais confuso depois desta postagem não se preocupe...também estou!


ENSAIO SOBRE A MATÉRIA ESCURA

A ciência chegou em uma desconcertante conclusão: cálculos de velocidade em estrelas da Via Láctea e de outras galáxias não estão de acordo com a lei gravitacional de Isaac Newton. As contas não batem e para não desconstruir tal lei, supõe-se então que exista mais matéria no universo do que pensamos. E mais: por não ser possível enxergá-la, a tal matéria não deve ser feita de átomos pois se fosse assim deveria haver algum tipo de interação eletromagnética que fosse detectável. Cientistas adiantam também que ela é na verdade a maior parte da matéria que compõe o universo. Estrelas, planetas...enfim, átomos são pouca coisa por aqui.
No ensaio anterior teorizei que a fronteira entre uma dimensão e outra percorre a totalidade do universo. E a matéria escura é esta fronteira! Está em todo lugar e em diferentes “densidades”. Tudo depende de seu consumo.
Minha teoria é maluca: a matéria escura seria composta por fótons e grávitons, que em nossa dimensão são forças e não matéria! Entende-se por gráviton a força que realiza todos os fenômenos gravitacionais e atômicos no universo, que mantém átomos coesos. E fótons a força que causa o relacionamento entre átomos. Como estas forças convivem uma com outra (dentro da matéria escura) é um mistério...talvez elas estejam em um tipo de relacionamento tão especial que explique algo como o bóson de higgs. Mas vamos caminhar de uma dimensão superior para a nossa: em quinta dimensão, fótons e grávitons são a própria matéria existente, a matéria que compõe corpos estelares e seres viventes completamente diferentes de nós. Para que exista a nossa dimensão atômica, fótons e grávitons deixam de ser matéria e começam uma peculiar transição para se tornarem forças que dão vida a nossa Vida atômica!!!
A matéria escura seria uma espécie de reservatório,um caldo dimensional,uma “fronteira esponjosa”de forças e prontas para serem utilizadas pelos átomos para a formação de grandes complexos...como o Sol, a Terra e você!
Ela interage com nosso universo apenas no aspecto gravitacional, como se possuísse massa. Isto explicaria os erros nos cálculos científicos expostos no começo deste. Mas não interage eletromagneticamente. Este tipo de interação só pode ocorrer quando um fóton é utilizado por um átomo e se isto acontece então o fóton já não pertence mais à matéria escura e sim ao nosso universo...ou melhor: talvez o decaimento do fóton (comprovado pela ciência) seja apenas sua rápida aparição na terceira dimensão e retorno imediato para a matéria escura.
Já que promovo esta filosofia toda, o maior mistério ainda é como matéria e forças se convertem em consciência...independente dos arranjos entre as mesmas!


12 de mar. de 2013

PENSAMENTOS E IMAGENS

I
A lâmpada de plasma é excelente para uma contemplação do ser humano.Ela nos ajuda a visualizar a bolha cósmica e protetora que devemos construir com a ajuda do Arcanjo Miguel.
As únicas fendas nesta bolha são:a entrada superior,para a passagem da Substância Eletrônica Universal(a própria essência espiritual e consciente),e a entrada inferior que carrega a energia Kundalini do centro da Terra.
Esta meditação pretende focar o ser humano em si,ajudá-lo a saber que ele é o próprio Criador,que ele pode trazer do invisível para o visível o que bem entender,desde que suas ações não machuquem seus semelhantes.

II
RESSONÂNCIA SCHUMANN

Transcrevo abaixo um artigo maravilhoso e muito poético de Leonardo Boff (cada dia mais atual)!
4.março/2004 - Brasil  

Não apenas as pessoas mais idosas, mas também jovens
fazem a experiência de que tudo está se acelerando excessivamente. Ontem, foi
carnaval, dentro de pouco será Páscoa, mais um pouco, Natal. Esse sentimento é
ilusório ou possui base real? Pela "ressonância Schumann" se procura dar uma
explicação. O físico alemão W.O. Schumann constatou em 1952 que a Terra é cercada
por um campo eletromagnético poderoso que se forma entre o solo e a parte inferior
da ionosfera que fica cerca de 100 km acima de nós. Esse campo possui uma
ressonância (dai chamar-se ressonância Schumann) mais ou menos constante da
ordem de 7,83 pulsações por segundo. Funciona como uma espécie de marca-passo,
responsável pelo equilíbrio a biosfera, condição comum de todas as formas de vida.
Verificou-se também que todos os vertebrados e o nosso cérebro são dotados da
mesma freqüência de 7,83 hertz. Empiricamente fez-se a constatação que não
podemos ser saudáveis fora desta freqüência biológica natural. Sempre que os
astronautas, em razão das viagens espaciais, ficavam fora da ressonância Schumann,
adoeciam. Mas, submetidos à ação de um "simulador Schumann" recuperavam o
equilíbrio e a saúde. Por milhares de anos as batidas do coração da Terra tinham essa
freqüência de pulsações e a vida se desenrolava em relativo equilíbrio ecológico.
Ocorre que, a partir dos anos 80 e de forma mais acentuada a partir dos anos 90, a
freqüência passou de 7,83 para 11 e para 13 hertz por segundo. O coração da Terra
disparou. Coincidentemente, desequilíbrios ecológicos se fizeram sentir: perturbações
climáticas, maior atividade dos vulcões, crescimento de tensões e conflitos no mundo
e aumento geral de comportamentos desviantes nas pessoas, entre outros. Devido a
aceleração geral, a jornada de 24 horas, na verdade, é somente de 16 horas. Portanto,
a percepção de que tudo está passando rápido demais não é ilusória, mas teria base
real neste transtorno da ressonância Schumann.
Gaia, esse superorganismo vivo que é a Mãe Terra, deverá estar buscando formas de
retornar a seu equilíbrio natural. E vai consegui-lo, mas não sabemos a que preço, a
ser pago pela biosfera e pelos seres humanos. Aqui, abre-se o espaço para grupos
esotéricos e outros futuristas projetarem cenários, ora dramáticos, com catástrofes
terríveis, ora esperançadores como a irrupção da quarta dimensão pela qual todos
seremos mais intuitivos, mais espirituais e mais sintonizados com bioritmo da Terra.
Não pretendo reforçar este tipo de leitura. Apenas enfatizo a tese recorrente entre
grandes cosmólogos e biólogos de que a Terra é, efetivamente, um superorganismo
vivo, de que Terra e humanidade formamos uma única entidade, como os astronautas
testemunham de suas naves espaciais. 
Nós, seres humanos, somos Terra que sente,
pensa, ama e venera. Porque somos isso, possuímos a mesma natureza bioelétrica e
estamos envoltos pelas mesmas ondas ressonantes Schumann. Se queremos que a
Terra reencontre seu equilíbrio devemos começar por nós mesmos: fazer tudo sem
stress, com mais serenidade, com mais amor que é uma energia essencialmente
harmonizadora. Para isso importa termos coragem de ser anti-cultura dominante que
nos obriga a ser cada vez mais competitivos e efetivos. Precisamos respirar juntos
com a Terra para conspirar com ela pela paz.






5 de mar. de 2013

15 de fev. de 2013

8 de fev. de 2013

CONVERSANDO COM MINHA IRMÃ 02

MARI:...e o espaço é relativo?!?!Pensei que esta qualificação fosse aplicada apenas ao Tempo.Explique-se.




Nossos cientistas investigam o fato de partículas subatômicas(como os elétrons),que submetidas a altas velocidades e sob efeito de outras forças,serem capazes de instantaneamente se comunicarem umas com as outras a despeito da distância que as separam.Não importa se esta distância é 1 ano-luz ou 100!
De alguma forma as partículas apresentam os mesmos comportamentos e sem o fator Espaço-Tempo.
Acredita-se que a razão que habilita esta comunicação não é que elas estejam enviando algum tipo de sinal misterioso mas porque esta separação é apenas uma ilusão!
Penso que em um nível mais profundo de realidade as partículas não são entidades individuais mas extensões de uma mesma coisa fundamental.
Se a aparente separação das partículas é uma ilusão então todas as coisas do universo estão infinitamente interconectadas como tecido.Muitos acreditam tratar-se de um verdadeiro universo holográfico aonde em qualquer parte se encontra o todo.
E isto fere gravemente a noção de um espaço linear.Espaço-Tempo pode ser descrito como um evento matemático e físico mas também como probabilidade sujeita a alterações que podem se anular através de uma simples torção em sua estrutura.
Mari,confesso que sou um teórico ainda sem "substância".Mas vale o exercício não é...bjs a todos!


6 de jan. de 2013

CONVERSANDO COM MINHA IRMÃ 01

Mari: Explicar melhor as teorias que falam sobre o começo de tudo, desbancando a teoria do Big Bang. Gostei disso mas é preciso se aprofundar.


Acredita-se no Big Bang porque pensam que tudo está se afastando e sendo assim deve ter um começo no sentido de um ponto espacial e temporal.
Não vejo assim. Tudo começa quando o infinito se torna finito. Mas o "primeiro finito" é muito acelerado e não temos condição de entendê-lo. Dele é que as velocidades vão diminuindo e gerando novos universos ou talvez novos campos de percepção. Então tudo é um contínuo. O universo que está acima do nosso é apenas mais rápido na vibração atômica. Quando ele desacerela e forma o nosso, ele surge por todos os lados e não através de uma big explosion.
Os corpos não estão se afastando em linha reta e para frente. Nem existe isso e nem existe reta!!! Tudo é curvo e o espaço é relativo. Pense realmente como se o universo que habitamos seja um ser que respira.